Adote

Bradock

Bradock foi abandonado no bairro Monte Cristo acolhido por uma [...]

Me Adote!

Geléia

Geléia vivia no Parque Oziel em Campinas, na casa de uma pessoa que [...]

Me Adote!

Tang

Tang foi resgatado da casa do caso Coronel em Campinas, medrosinho a [...]

Me Adote!

Sabrina

Sabrina e seus filhotes foram resgatados num matagal em Amparo. Após [...]

Me Adote!

Celo

Celo foi resgatado nas ruas de São Paulo fraco e debilitado, além [...]

Me Adote!

Fanta

Fanta é um dos doguinhos resgatados em uma das casas do falecido [...]

Me Adote!

Jaque

Jaque era mais uma mamãe que vivia no Parque Oziel, em [...]

Me Adote!

Regis

Regis foi resgatado da casa da acumuladora de Taboão da Serra, e [...]

Me Adote!

Vídeos

Parceiros

Bradock foi abandonado no bairro Monte Cristo acolhido por uma família, que não tinha condições para arcar com os cuidados dele e pediu ajuda para ONG. Tratou problemas de pele, doenças causadas pelo carrapato e cirurgia  nos dois olhos. Super carinhoso e se da bem com outros cachorros. Aproximadamente 4 anos, porte grande.

 

Geléia vivia no Parque Oziel em Campinas, na casa de uma pessoa que não tinha condições de cuidar, deixou a cachorra cruzar e ter cria e distribuiu a maioria dos filhotes pelo bairro. Chegamos a tempo de resgatar a mamãe e três bebês. Boazinha, carinhosa, um encanto de menina… só falta encontrar seu adotante, amigo e companheiro, que cuide bem dela e em troca aceite receber toda sua gratidão.
Aproximadamente 4 anos, porte médio

Tang foi resgatado da casa do caso Coronel em Campinas, medrosinho a princípio, mas muito dócil e carinhoso.

Aproximadamente 4 anos, FIV e FELV negativo.

Sabrina e seus filhotes foram resgatados num matagal em Amparo. Após a quarentena, exames, vermifugação e vacinas, os filhotes foram adotados e a mamãe ficou… não sabemos como ela ainda não foi adotada.
É um doce de menina, carinhosa e até um pouco medrosinha no início, mas logo ganha confiança e se solta. Nossa pitica aguarda por uma família da qual possa fazer parte .
Aproximadamente 5 anos, porte pequeno.

Celo foi resgatado nas ruas de São Paulo fraco e debilitado, além de visivelmente ter problema em uma patinha. Depois de exames e contato da ex-tutora, descobrimos que ele estava com a doença do carrapato e que mancava há anos, após ter sido atropelado e não ter recebido nenhum tratamento.
Apesar disso, Celo se adaptou à sua nova condição e hoje vive bem. Muito carinhoso, amoroso e sociável com outros cães. Contudo, seria uma “adoção especial”, pois o adotante precisa ter condições de fornecer alimentação especial ou natural 🥦🥩🍌🥕🍗🍎, para que ele possa ter sempre fezes pastosas. Aproximadamente 8 anos, porte pequeno

Fanta é um dos doguinhos resgatados em uma das casas do falecido Coronel.
Nosso menino tem se mostrado muito quietinho e esperto, já se acostumou à vida de apartamento e espera os horários de descer para o passeio para fazer suas necessidades. Também é um super companheiro e gosta de ficar pertinho da tia do lar temporário em toda a sua rotina diária, um príncipe!
Aproximadamente 3 anos, porte médio/pequeno.

Jaque era mais uma mamãe que vivia no Parque Oziel, em Campinas. Bastante medrosinha, precisa de um adotante que a ajude a ganhar confiança e a perder o medo. 3 anos, porte médio

Regis foi resgatado da casa da acumuladora de Taboão da Serra, e saiu de um calabouço imundo para conhecer o que o mundo tem de melhor para oferecer e ele tem passado por esse processo com toda doçura do mundo, conquistando todo mundo no caminho, de tão carinhoso que é!
Muito muito bonzinho e carinhoso, porte pequeno / médio, 13kg.